O regresso

O regresso
O regresso

Chegámos da nossas longas férias.
Pelos vistos, escapámos às elevadas temperaturas características do Baixo Alentejo. As velas do candelabro ganharam novas formas, embora não se percebe, a casa por dentro, mantem-se fresca.
Há que desfazer as malas, recuperar as velhas rotinas.
O peixe da M. já está no seu lugar!

0 comments on “O regresso

Deixar uma resposta