O Moinho do Alferes

O Moinho do Alferes
O Moinho do Alferes
O Moinho do Alferes

Na rota do “Circuito do Pão”, o Moinho do Alferes surge nas margens da ribeira do Vascão como um pequeno oasis no meio dos cerros onde o trigo foi lentamente substituído pelas estevas.
Em pleno Parque Natural do Vale Guadiana, é um lugar apaziguado, rico em flora e fauna.
É nesse cenário que a Associação de Defesa do Património de Mértola, em parceria com a Cooperativa Oficina de Tecelagem de Mértola organizarão, no final deste mês um “workshop de tecelagem” onde está incluído no programa, a lavagem da lã nas águas do Vascão.
O ano passado, tinha sido assim.

O moinho, em fase final de restauro, tem engenhos hidráulicos em perfeito estado de conservação que permitem entender o seu real funcionamento até à década de 60. Hoje, a ADPM tenta preservar e ensinar esta relação património-homem-natureza.

O Moinho do Alferes
O Moinho do Alferes
O Moinho do Alferes

0 comments on “O Moinho do Alferes

Deixar uma resposta