Silêncios

Formas

Devagar, muito devagarinho, retomo o metro, a régua, o esquadro, o lápis sem esquecer a borracha!
Sinto um profundo silêncio com o qual tenho dificuldade em acostumar-me.
A casa sem as crianças, não é a mesma casa.
Quando elas entraram para a escola, há uns anos, não soube muito bem gerir o tempo. Parecia não saber aproveitá-lo. O isolamento, a ausência dos amigos, longe das minhas actividades favoritas foram determinantes na escolha de uma aprendizagem. Precisava de agarrar algo que permitisse realizar-me, sem sair de casa.
Desta forma, o corte e costura pareceu-me a opção certa no momento certo.
É o sonho delas, verem um dia nascer algo de muito especial e único, só para elas.
As minhas filhas são o meu incentivo!

Blockgame

No silêncio da casa, apanho fragmentos de brincadeiras como este jogo de mosaicos que diverte tanto os pequenos como os grandes, um leque infinito de criatividade.

Partilhar Silence , um maravilhoso trabalho de design e de fotografia da dupla Zoe Miller e David Goodman, que entre outros livros publicaram Shape para os mais novos. Sumptuoso!

Deixar uma resposta